Argilas e seus benefícios

 em Informativo

As argilas, são compostos extraídos de jazidas a céu aberto, sendo encontradas em diversas alturas e profundidades. Ao serem extraídas passam por uma seleção aonde serão selecionadas e direcionadas para a indústria de acordo com a sua finalidade.

Isso significa que não podemos unificar os processos de purificação das argilas, afinal podemos usa-las desde material de construção até cosmético.

Antes de chegar a real manipulação com finalidade cosmética, são realizados diversos processos, nos quais serão responsáveis por retirar todos os compostos indesejáveis, sendo também selecionados e analisados por meio de culturas microbiológicas para verificar a existência de fungos, bactérias e leveduras evitando assim qualquer tipo de contaminação e posteriormente essa argila filtrada é encaminhada para a área de secagem.

Não parando por aí, a descontaminação pode ser realizada também rapidamente por radiação gama ou, por um processo um pouco mais demorada, através do ozônio, no qual foi estudado que conserva bem mais as propriedades terapêuticas das argilas. Vale ressaltar que após todos esses processos de purificação e descontaminação as argilas poderão receber o registro com finalidade cosmética, sendo segura e eficazes para os tratamentos estéticos.

As Argilas são constituídas basicamente por partículas cristalinas micrométricas de minerais como os Silicatos de alumínio hidratado sendo o componente mais abundante em qualquer uma das argilas. Podem estar presentes também outros elementos, como: Magnésio, Ferro, Cálcio, Sódio, Potássio, entre outros.

O uso das argilas no segmento estético pode parecer para muitos uma grande novidade, mas há registros milenares que apontam o uso de máscaras de argilas para diversas funções. As funções das argilas variam de acordo com as cores e com os minerais específicos ou materiais orgânicos encontrados em maior quantidade na formulação. Elas podem ser utilizadas para vários tratamentos faciais, corporais e capilares.

As Argilas mais utilizadas e conhecidas na área da estética são:

Argila Amarela: A Argila amarela por ser rica em Silício e Potássio, exerce o papel determinante na nutrição e na reconstituição celular, retardando e contribuindo desta maneira para o envelhecimento cutâneo.

Argila Verde: Considerada a mais tradicional das argilas, é rica em silício e zinco, oferece uma atividade sebo-reguladora (adstringente) e purificadora. Sua coloração deve-se pela presença de óxido de  ferro, que atua em sinergia com outros minerais presentes. Sua composição mineralógica quantitativa corresponde a uma mistura de quartzo, esmectita, ilita e caolinita. Na estética é aplicada no corpo promovendo tensionamento, desintoxicação, auxilia nos tratamentos de gordura e celulite, na face é indicada para peles lipídicas (oleosas) para regulando a quantidade de sebo.

Argila Branca: Tambem chamada de Caulim (Kaolin), argila natural rica em diversos compostos minerais responsáveis pela sua coloração e ação terapêutica. Proveniente da transformação de rochas lavadas da água da chuva. Possui grande quantidade de alumínio, o que lhe confere propriedades cicatrizantes. Sua composição mineralógica qualitativa, corresponde a uma mistura de quartzo e caolinita. Na estética usa-se tanto para tratamentos faciais quanto corporais (principalmente áreas intimas e de atrito). A argila branca possui algumas propriedades, como: facilita a circulação sanguínea e promove ação antisséptica, excelente no controle do processo acneico, clareamento e nos tônus da pele.

Além dessas três opções temos outras argilas que não são tão exploradas pelos profissionais da estética, mas possuem excelentes benefícios também, como:

Argila Vermelha: É uma Argila rica em óxido de Ferro com propriedades tensoras. Na face promove ação reguladora do fluxo sanguíneo e vascular, garantindo conforto e suavidade para peles sensíveis ou acometidas por teleangectasias e rosácea, já no corporal, tem ação firmadora e ativadora da circulação.  

Argila Preta: É caracterizada pela sua textura gordurosa e por diluir muito fácil. Seus efeitos sobre a pele, são: antiinflamatórios, descongestionantes, cicatrizantes e antissépticos. Com o avanço da tecnologia cosmética, atualmente encontra-se no mercado, argilas em forma de máscaras prontas, com o intuito de facilitar a aplicação e retirada do produto, aumentar a rentabilidade e além disso, possibilita a união de outros princípios ativos para potencializar os efeitos promovidos pelas argilas.

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar