Mês de combate à acne: Alimentação x pele acneica!

 em Artigos, Dicas para você, Informativo

Nós somos aquilo que comemos! A alimentação influencia diretamente a saúde da pele. E para quem sofre com oleosidade cutânea, a ingestão de certos alimentos pode estimular ainda mais a produção sebácea e, consequentemente, o surgimento ou agravamento da acne. 

Nós conversamos com a nutricionista Ellen Silva para saber quais são os alimentos que devem ser evitados por quem sofre com esse problema.

De acordo com a profissional, massas, pães e bolos feitos com farinha e açúcar refinado devem ser evitados. Além desses, entram na lista: frituras, embutidos como salsicha, linguiça, queijos tipo: muçarela, prato e cheddar, presunto, mortadela, bem como alimentos ultraprocessados em geral, como biscoitos recheados, refrigerantes e fast-food.

“Todos esses alimentos prejudicam a saúde da pele oleosa e com acne, pois são ricos em açúcares e gorduras que inflamam o organismo e alteram o seu funcionamento”, explica a Ellen, revelando que alimentos naturais com propriedades anti-inflamatórias e que ajudam na circulação sanguínea favorecem a melhora desse quadro.

Veja quais são os alimentos que melhoram a inflamação e a oleosidade da pele:

  • Os alimentos ricos em vitamina C, como a laranja, abacaxi, morango, maracujá e acerola.
  • Os alimentos fonte de antioxidantes como a uva, cenoura, mamão, couve e espinafre.
  • Os alimentos com propriedades anti-inflamatórias como o ômega 3, presente no salmão, na linhaça, castanhas e sardinha.
  • E o consumo de alimentos integrais, carnes e laticínios magros. Além de boa ingestão de água.

Além da alimentação, alguns cosméticos também ajudam na melhora e prevenção de peles acneicas e oleosas. Veja uma seleção com produtos Bel Col para quem deseja tratar da pele em casa!

Gostou das dicas? Acompanhe nossas redes sociais (@belcolcosmeticos) se saiba tudo sobre o mês de combate à acne! 

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar